06 junho, 2016

Continuar é sempre melhor


Por vezes, sentimo-nos tão mal que não acreditamos em  levantarmos novamente. A angústia  apodera-se de nós, eliminando todas as nossas forças.
Só nos apetece entrar em um navio e zarpar para bem longe, esquecer tudo o que nos aconteceu, nos desfazer de todas as lembranças tristes e nos afogar no mar do esquecimento.
Deixamos de acreditar em nós mesmos e nos permitimos mergulhar numa depressão profunda... mas mesmo assim, em alguns momentos de lucidez ouvimos duas vozes que não nos deixam fazer isso; elas  tornam-se  tão constantes e atemorizantes, e fazem-nos relembrar de quantas vezes caímos e nos levantamos, de quantas vezes pensamos em desistir e descobrimos que continuar era o melhor; fazem-nos enxergar o quão feliz já fomos e ainda podemos ser, e que tudo só depende de nós, da chance que daremos a nós mesmos... E no fim descobrimos que são essas vozes que queremos que falem sempre por nós: A de Deus e a de nossos corações.
Autora: Aurea Assíduo