09 junho, 2016

Música clássica em Angola

Vivemos numa sociedade culturalmente muito forte. Além de sermos um povo multicultural, temos também como característica acompanhar todos os eventos da nossa vida com manifestações culturais correspondentes.
Assim o nascimento, a circuncisão, as iniciações da puberdade, pedidos de casamentos e até cerimónias fúnebres são todas oportunidades para manifestações culturais. Deste modo, pode-se compreender que para um contexto como o nosso, a cultura serve como uma espécie de trilha sonora para todos eventos da vida; Isso na perspetiva mais tradicionalista. 
Em oposição a isso, temos a cultura mais popular que se sustenta mais ou menos no entretenimento; Visto que somos um povo maioritariamente extrovertido, é bastante compreensivel. 
É nesse cenário que nasce, timidamente, o mercado de música clássica. Um mercado que vem com mais uma alternativa que oferece música contemplativa, onde a harmonia dos sons e a sua interpretação contribuem para passar uma mensagem que beira a um subjetivismo que ainda não nos é muito próximo.
Mas como as artes são universais e o bom trabalho cativa as almas por si só, é como se essa forma de arte já cá fizesse parte há séculos.
Abaixo, a lista de artistas que mais fazem shows nessa senda:

Marilia Alberto – Suprano


Celso Mambo – tenor

Emanuel Mendes – tenor


Os Lyrikhos - Grupo


Autor: Isis Hembe